quinta-feira, 6 de outubro de 2016

Lápis de cor aquarelável escolar da Bic

Olá artistas e arteiros de plantão, tudo bem?

A sumida reaparecendo...kkkkk

Hoje volto a falar dos polêmicos lápis de cor da Bic, agora na sua versão aquarelável. Polêmicos porque, como já disse em posts anteriores, os lápis da Bic quando lançaram no Brasil eram bons, mas depois tiveram uma queda de qualidade que fez todo mundo que os tinha comprado querer atirar longe de tão ruim, kkkk.

Estes dias estava estressada e resolvi ressuscitar meu livro de colorir e aproveitei para testar o lápis. Então vamos lá!

Começando pela caixinha, achei normal, nenhuma novidade, a não ser que no lugar do peixinho colocaram um cavalo marinho, kkkkk.




As cores são bonitas e bem alegres, do jeito que gosto, olha que foto bonita que deu!




No teste da caixinha eu daria uns 3 girassóis de Van Gogh, mas não é das piores.



As cores misturaram até que bem, só achei o azul claro e o marrom sem muita pigmentação.




Aqui fiz uma tabelinha com as cores com e sem aquarelar para vocês compararem.




O azul e o verde não aquarelaram tão bem.

Sobre o pincel, ele é bem fraquinho e semelhante aos que vem nas outras marcas, pelo menos não soltou pelinhos!



Resumindo...

O lápis é razoável, dá para fazer desenhos mais simples bonitos porém não confio muito nele em um desenho mais complexo, com muitas camadas entendem?

Eles aquarelam até que bem, com exceção do verde e do azul que me deram problemas.

O pincel é bom, mas não se animem muito, milagre não existe!

Vou dar 3 girassóis de Van Gogh para o lápis de cor da Bic. ;)





quarta-feira, 20 de julho de 2016

Papel de desenho texturado Clairefontaine

Olá artistas e arteiros de plantão, tudo bem?

Hoje eu venho mostrar para vocês este papel que minha irmã trouxe da França. Era para eu ter ido com ela nesta viagem, but como eu estava com bebê foi impossível. Resultado: haja mensagem no zapzap dela me perguntando o que eu queria que ela comprasse,kkk

Uma das grandes dificuldades foi o papel para desenho artístico. Aqui no Brasil eu sempre usei muito os da linha Canson e pedi para ela pesquisar se compensava comprar eles lá.

Sabe o que os vendedores disseram para ela? Que Canson era bloco de desenho para pré-escola, aqueles "cansons" melhores que eu pago aqui por volta de R$40,00, vê se pode isso!

Eles recomendaram este então da Clairefontaine para ela e é o que eu mostro hoje para vocês!




O preço é mais ou menos parecido com o que pago por aqui mais ele promete aguentar mais. Na internet está por volta de 10 euros.


O que eu achei?

Achei o papel bem delicado e com uma textura bonita. Não sei se vocês vão conseguir ver na foto abaixo, mas em seguida postei de novo o desenho da minha filha onde pintei com o lápis Prismalo.




Freitas, Josilene. Angelina

Ele aguenta razoavelmente bem aquarela também, mas sinceridade, para aquarelar prefiro outros papéis mais grossos e com mais algodão. 

Para técnicas secas como lápis de cor, sanguínea, giz pastel seco e grafite tá super aprovado!

Cinco girassóis de Van Gogh para o papel  de desenho texturado Clairefontaine!


Até mais pessoal!

sexta-feira, 20 de maio de 2016

Como pintar com giz de cera? Giz de cera da Bic Evolution

Olá artistas e arteiros, tudo bem?


Sim, sumi de novo....

Sim , reapareci. Kkkkk

 É minha gente, essa vida de mãe, professora, artista e blogueira não tá fácil não.

Masss.....Vamos ao que interessa, como domar e utilizar este material tão do universo infantil chamado giz de cera?

De onde ele vem, do que se alimenta, como domá-lo? (olha eu querendo apresentar um Globo repórter sobre isso,kkkk).

O giz de cera é um material geralmente com bem menos pigmento e mais cera como o próprio nome já diz, por isso é difícil fazer camadas, porque a cera impede que se acumulem muitas.

Por isso o giz de cera possui tantos hatters,kkkkk.

Mas, sabe que eu gostei desse da Bic? Vou mostrar para vocês!


O que eu achei dele?

Primeiro amei a caixa e o conceito, uma das coisas que não gosto no giz tradicional é aquela sensação de ficar segurando na cera sabe, este vem como uma lapiseira, é muito legal!

Gostei também das cores, super usáveis.



Ele é um giz de cera considerado escolar, porém apresentou uma cobertura surpreendente a meu ver e não tem tantaaaaaaaa cera. Consegui até fazer camadas bem de leve.

Deem uma olhada no meu desenho que fiz!

 Freitas, Josilene. A mulher, as mulheres. Giz de cera sobre papel. 2016.
Antes que alguém pergunte, usei papel da linha Filiperson escolar mesmo, mas a folha sulfite dá um efeito mais bonito.

Então pessoal, ficam as dicas aqui para pintar assim como eu fiz neste desenho (existem outras formas de pintar com giz de cera, mais vai ficar para outro post tá!).

  • Começar de leve, depois ir acalcando conforme tem certeza da cor que deseja.
  • Se for fazer camadas, dê preferencia por começar com as cores mais escuras e depois as mais claras.
  • Sabe aqueles gizes de cera que possuem uma casquinha branca ao redor? Eles geralmente tem mais pigmento, prefira eles.
  • Giz de cera branco aparece mais em papel preto, no branco ele funciona apenas como misturador.

Se eu gostei?

Sim, achei super interessante o material, apesar do preço, que paguei 12 reais, mas adorei a ideia da lapiseira e as cores. Vou dar 5 girassóis de Van Gogh para o giz de cera da Bic!



quarta-feira, 27 de abril de 2016

Testei o lápis de cor Prismalo Aquarelle da CaranD'Ache


Olá artistas e arteiros de plantão, tudo bem?

Hoje o blog tá rhyco e phino, kkkkk.

Olha essa belezinha que custa em média 40 euros que veio de Paris para mim! #tôostentando# kkkkkkkkkkk

Ai gente, desculpe, mas o primeiro lápis profissional a gente nunca esquece né! E ainda caro deste jeito, ai meu bolso, tinha que ser bom!


Para quem não conhece a marca, ela é da Suíça e eles tem um grande cuidado com a produção. Fiquei chocada com esta reportagem,



A caixa com a descrição em várias línguas, inclusive português. Obrigada!




Eu tenho usado ele já um tempo, por isso está todo bagunçado, mas olha que belezinha! Adorei a caixa de metal que deixa tudo organizado.





Outra coisa legal é que ele vem com um folheto explicativo de como usá-lo, inclusive eles sugerem molhar a ponta do lápis e fazer pontilhismo, entre outras dicas. Amei!


O que eu achei?

Acho que já deu para ver que estou curtindo bastante o lápis, mas confesso que no começo detestei! 

Sério, ele estava um pouco seco, mas conforme fui usando ele foi ficando uma delícia para trabalhar.

Ele é bem pigmento, as cores são lindas, só fiquei triste com o preço e de não ter dinheiro para ter comprado uma caixa de 80 cores.

Enfim, está super aprovado!

 Freitas, Josilene. Angelina, 2016

Aqui deixei o desenho da minha filha Angelina que estou fazendo com ele. Agora já está diferente porque apliquei o lápis de cera incolor da CaranD'Ache nele e ficou bem diferente.

Apesar do absurdo do preço vou dar 5 girassóis de Van Gogh para ele!



Até mais pessoal!

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

Testei o lápis de cor Bic Evolution Circus

Olá artistas e arteiros de plantão, tudo bem?

Esta época é terrível para quem é louco por material artístico e escolar como eu, é só entrar no supermercado e eles estão em primeiro plano nas prateleiras, kkkkk.

Foi isso que aconteceu e onde achei este lápis de cor. 
Sinceramente eu tive um certo medinhooo, porque ultimamente os lápis da Bic estavam horríveis. Até contei em  outro post aqui que quando a Bic lançou lápis de cor aqui no Brasil eles eram ótimos, mas depois despencaram na qualidade.

Voltei a me animar com eles quando li na caixinha que eram fabricados na França... Entonces, deve estar melhor, porque a sede da marca é lá.


Vamos o que interessa não é?

O que eu achei do lápis?

 O meu tradicional teste da caixinha não foi muito animador, achei que estava pouco pigmentado.



O lápis tem a proposta de ser divertido, a madeira é colorida, mais confesso que acabou me incomodando tanta cor. Deve ser legal usar a casquinha do lápis para fazer algumas artes, hehehe.


Outra coisa que me incomodou foi a falta do lápis de cor branco e preto (como assim gente?!) e um vermelho que olhando parece marrom avermelhado. Só ficou bonito na foto abaixo,kkkk.


Mas no geral eu gostei, acho que é uma boa opção, eles são miscíveis entre si, o preço é razoável, uma boa opção às caixas de lápis de cor mais caras, mas é ruim por não ter o branco e o preto.

Vai ganhar 3 girassóis de Van Gogh!



Tem mais alguém aí que testou esse lápis já?

Até a próxima pessoal!



sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Lápis de cor escolar triangular Norma

Olá artistas e arteiros, tudo bem?

Hoje eu vim mostrar para vocês este lápis de cor da Norma, mais uma opção para a gente, obaaaaaaaaa!

Mais assim,é um lápis escolar, não esperem milagres, mas que é bom, é. 




Teste da caixinha

Olha, não me deixou muito animada não, pareceu pouco pigmentado. E que caixinha mal pensada hein? Para que este buraco com papelão?



O que eu achei do lápis?

No geral, eu gostei muito das cores. Acho lápis de cor metálico totalmente dispensável, prefiro uns neons, mas ok!

Achei super legal que a mina é bem grande, então vai render horrores (bolso dos papais e mamães agradecem!).

Também é bem confortável para pintar e acho que vai ser muito bom para as crianças.


Agora os problemas: achei algumas cores com pedrinhas!!

Gente, o que anda acontecendo com estes fabricantes de lápis de cor? Caiu uma pedreira em cima das fabricas? #alguémexplica?#

E pelo que testei principalmente nos metálicos. Já não gosto muito deles agora com pedrinhas e marcando o papel então....




 As cores são miscíveis entre si, dá para trabalhar em camadas e este é um ponto a favor. Aehhh!



Resumindo, eu gostei, compraria sim, o preço é muito bom (média de 17 reais) e pelo jeito vai render horrores. Só vou dar 4 girassóis de Van Gogh por causa das pedrinhas no lápis.


Até mais pessoal!




terça-feira, 19 de janeiro de 2016

Giz pastel seco da Daiso


Olá artistas e arteiros, tudo bem?

Saio de um post riqueza e venho para a lojinha quase 1,99 (vende tudo por 7,99) que é a Daiso Japan, uma loja cheia de coisas fofas, diferentes e bem legais.

Eu iria ficar muito feliz se abrisse uma filial aqui em Mogi Mirim ou Mogi Guaçu,gastaria horrores kkkkk.


Eu sempre ouvi falar que tinham muitas coisas boas lá, mas este milagre de uma caixa de giz pastel seco com 18 cores por este preço me deixou chocada! 


And ainda são duas caixinhas, uma cores auxiliares e....






E outra de cores básicas, lógico! 























 OMG !, encomendei as duas, hahahahaha!

Porém não se iludam! O tamanho do giz é pequeno viu, mas para quem está com medo de investir em um giz pastel seco carérrimo e experimentar o material já vale a pena.

Aqui abaixo coloquei uma foto das caixinhas para vocês verem as cores, que achei bem dignas!

Cores auxiliares.

 Cores básicas.

O que eu achei do produto?


Como já disse para vocês minha vida está uma loucuraaaa e não fiz grandes testes de camadas de cores. Usei mais ele para pintar fundo de desenhos dos meus alunos na escola como vocês podem ver abaixo um deles.

 Releitura da obra "O grito", de E. Munch pelo meu aluno Bruno Wendall

Eu e eles achamos as cores bem bonitas e fáceis de usar, até mais fáceis de espalhar do que algumas marcas tops que usei. Olha o meu dedo como as cores ficaram concentradas.







Só tem um problema, eu achei que ele faz muito pó, perdemos muito material, não fixa direito sabe. Isso quer dizer que vai acabar rapidinho... Talvez isso vai acabar atrapalhando também quem faz 4, 5, 6 camadas de cores. 

Então vou dar 4 girassóis de Van Gogh para o giz pastel da Daiso porque,apesar do preço excelente,faltou fixação para fazer desenhos mais elaborados.


Recomendo este giz para você que quer experimentar a técnica do giz pastel seco e fazer fundos(ótimo material para livros antiestresse) e desenhos com poucas camadas.

Ah, não esqueçam de usar um fixador (um verniz fixador ou laquê de cabelo mesmo hehehe).

Onde comprar?
Procure a loja Daiso mais perto de vocês,mas já aviso que quando chega este giz, segundo eles, acaba rapidinho. Então vale a pena entrar no facebook deles e perguntar se tem o material no estoque para não perder viagem.

Até mais pessoal!