sábado, 25 de janeiro de 2014

Lápis de cor Cromus - tutorial de pintura de olho!



Olá artistas e arteiros de plantão! A louca do lápis de cor está de volta! kkkkk



Pois é pessoal, começo de ano e eu vendo lápis de cor em todas as lojas é um problema, difícil de resistir a novidades, ainda mais custando R$3,99. 
Pois é, acreditem! E a história foi engraçada porque fui comprar material para o meu enteado e ele não quis este lápis de cor  da marca desconhecida dele, affff! 
Confesso que até entendo, deu um certo" medinho", pelo preço e pela marca por mim totalmente desconhecida. Porém, não foi que fiquei surpresa com o material? Para fazer uma prova de fogo resolvi pintar um olho para vocês verem ele sendo testado.





Gostei da caixinha, mas quando abri fiquei um pouco decepcionada, achei que não era pigmentado. Achei algumas cores com algumas pedrinhas e senti falta do branco. De resto não tenho o que reclamar, ele é macio para pintar, pigmenta bem SIM e as cores são miscíveis como vocês vão poder ver abaixo.
 Teste da caixinha. Não é a melhor pigmentação...na caixinha. Depois me surpreendeu!

Aqui uma foto comparando o preto da Cromus com o preto da Labra. O da Labra é mais encerado e por consequência menos pigmentado.


Vamos ao teste!

Desenhei o olho e marquei um brilho retangular. Fiz uma base com azul claro. A linha d'água trabalhei com amarelo pele e marrom. O cantinho do olho usei amarelo pele e vinho.
Reparem que não usei preto. Quando forem fazer uma pintura com lápis de cor ele deve ser usado por ultimo e sempre com moderação.




O preto é uma cor pesada, por isso comecei o sombreamento com marrom (pintura sombreada sempre fazendo movimento de círculos).




Depois de marcar os volumes comecei a fazer aqueles risquinhos do olho....

 A dica é imaginar a pupila como um sol e do centro dela puxar alguns raios. O efeito fica ótimo! Olha o esquema em verde que eu fiz. O desenho ficou meio torto, mas ajuda a entender melhor esta história dos raios de sol. Os cílios também  tem que seguir um pouco esta lógica, com a diferença de que as pontas tem que ser mais finas do que a raiz. Vou explicar mais depois.


Aqui peguei o marrom e sombreei a pálpebra e abaixo da linha d'água.



A foto ficou meio embaçada mais dá para perceber que depois eu passei por cima do marrom, na pálpebra o amarelo pele.


Agora vim vamos aos cílios. Os iniciantes sempre tem um pouco de medo, então podem usar o marrom bem clarinho ou bege para marcar. Na parte superior e inferior a lógica é a mesma do "solzinho" que disse acima. Resumindo, os cílios não são retos, deixe alguns meio bagunçados, no canto do olho eles ficam maiores. Na parte inferior os cílios geralmente são um pouco menores. Claro pessoal, o mais importante é a observação.


Agora o olho prontinho! Depois que vi a foto achei que deveria ter escurecido um pouco mais os cílios no canto. Achei que para um lápis escolar básico o efeito ficou muito bom!



Pelo preço maravilhoso, pelo fato de ter algumas leves pedrinhas e o conjunto da obra dou 4 girassóis de Van Gogh para o lápis da Cromus.


Sei que não é aquele tutorial, mas espero ter ajudado! Até mais arteiros de plantão.

quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Põe na agenda - Exposição no CCBB -SP!

Quase morri com esta notícia! Sorte que vai até abril a exposição Visões da coleção Ludwig.
Segundo o site sp-arte a exposição inicia no dia 25 de janeiro, para comemorar o aniversário de São Paulo.

Por que eu quase morri com a notícia?
Nesta coleção existem obras de Picasso, Andy Warhol, Jean-Michel Basquiat, Roy Lichtenstein, Tom Wesselmann, Claes Oldenburg, Jasper Johns, entre outros. o Sr. Ludwig foi um dos maiores estudiosos e colecionadores de obras de Picasso no mundo.

Só achei estranho que no site oficial do Centro Cultural Banco do Brasil ainda não saiu nada.
#assim#fica#dificil#

Para quem quer saber mais detalhes deixo aqui o link sobre o acervo do museu Ludwig.
 Link para o museu aqui!

Vamos aguardar mais notícias, espero que se confirme, porque tem muita obra boa lá (será que vem muitas da pop art também?). #josi ansiosa#

terça-feira, 14 de janeiro de 2014

Editor de fotos PicMonkey

Oi povo arteiro!


Hoje eu vim deixar uma dica de um programa que descobri a pouco e que me ajudou a arrumar o banner do meu blog, o PicMonkey .

Estava achando muito sem graça meu blog e resolvi procurar programas ou sites que me ajudassem. Nem preciso dizer que amei. :D
Espero que vocês tenham gostado!Estou muito feliz com o retorno que estou tendo e atendendo a pedidos tentei arrumar a parte dos comentários (acho que agora todo mundo vai conseguir comentar).

Apesar de ser em inglês,estou indicando ele porque é uma opção para você fazer montagens legais sem ter que instalar programas no seu computador. Achei algumas fontes diferentes e bem interessantes, é ótimo para criar banners, com várias opções de tamanho.
Também serve para editar fotos com alguns filtros diferentes, além de algumas texturas como a lousa e areia, que achei bem interessante! E não é só coisas fofas (tem muito arabesco e flor). Achei bem divertida a sessão de zumbis e temas de dia das bruxas.
Então para você que está se arriscando no design é uma ótima opção. Cinco girassóis de Van Gogh para o PicMonkey!



sábado, 11 de janeiro de 2014

Como um artista deve cobrar pelo seu trabalho



Olá amigos artistas!

Fiz este post por causa de uma pergunta que vi na internet, sobre como calcular o valor dos desenhos. É uma pergunta que sempre me fazem, a maioria dos artistas tem muita dificuldade de calcular isso, talvez por isso tantos artistas morram de fome,rs.
Brincadeiras a parte, é importante para artistas, artesãos, designers (talvez vocês discordem, fica pra um próximo post) enfim, todos calcularem o real valor dos seus custos e mão de obra, além de levarem em consideração o mercado da sua região.

PS.: Matemática nunca foi o meu forte,kkkk.

Gastos

Pessoal, incluam aí tudo mesmo, sem dó. Até o papel higiênico de limpar o seu pincel tem que por, é sério. Infelizmente dinheiro não brota em árvore e você vai precisar dele para sobreviver. Se for uma banda, um grupo de teatro ou companhia de dança, por exemplo, tem que contar preço de folder, água, equipamento alugado para o show, figurino, maquiagem, etc.
Vou usar aqui um caso de um artista iniciante que veio perguntar como cobrar um desenho grafite em uma folha A3. Então vamos aos gastos materiais e estruturais dele:

Papel A3(do mais simples)
Grafite 6B (contando que um lápis dá para uns 3 ou 4 trabalhos em A3)
Grafite 2B (No meu caso, rende bem mais do que o 6B)
Limpa-tipos (borracha artística da boa dividida em 6 partes)
2 folhas sulfites, algodão (ou cotonete),  esfuminho
Impressão da imagem
Energia elétrica (pesquisa no seu computador, a luminária ligada,etc), água (quem não bebe água e não se suja com grafite pode tirar este item,kkkk), transporte (se vai entregar o trabalho na casa da pessoa, ligar). 


                     

Mas não é só isso meu amigo artista...

 Você agora tem que pensar no tanto de tempo que demorou em se transformar neste talentoso artista, quanto caderno rabiscou ou investiu em cursos para chegar neste trabalho lindo que os outros gostam e estão querendo comprar. Você pode fazer um cálculo geral e com certeza vai se surpreender.
 Vi outra forma de cálculo que achei interessante:

Quanto quero ganhar por mês (Cuidado neste momento. Vou pensar no salário minimo para iniciantes)
Quantos trabalhos consigo fazer em um mês 

Então, vamos imaginar: 720 reais (salário mínimo atual) dividido por 12 desenhos (tanto de trabalho que você tem capacidade de fazer por mês = 60 reais cada desenho.

O correto é somar os 60 reais mais os gastos do seu desenho então a conta fica:
R$60,00 + R$9,20 = R$69,20

Agora como filho de Deus que você é merece um lucro no seu trabalho. Fora que não é sempre que você vai receber a encomenda de 12 desenhos em um mês em início de carreira e sempre vai ter alguém que vai chorar um desconto,rsrs. Então pode dar uma arredondada no valor, aumentar uns R$10,00.

R$10,00 +R$69,20 = R$ 79,20...arredondando R$80,00


“Mas Josi, é um trabalho mais simples! Oitenta reais é muito! Tenho dó de cobrar do meu tio tudo isso! “



Tudo bem seu tio ser legal, mas entenda que o seu trabalho como artista precisa ser valorizado. Se o desenho for mais simples, você pode fazer a seguinte conta:

Valor do um trabalho seu dividido pelo nº de horas que você geralmente demora para fazer um trabalho.
Exemplo: R$80,00 : 4horas =R$20,00 sua hora .

Eu aconselho lógico você jogar mais o gasto aí neste caso, porque os seus GASTOS MATERIAIS CONTINUAM OS MESMOS, só o desenho é mais simples. Então:

 DESENHO MAIS SIMPLES, de I hora de trabalho = R$ 20,00+9,20 = (arredondando)  R$ 30,00




Formas de pagamento


Aí começa outro problema dos artistas, tem vergonha de cobrar. Pela minha experiência depois de alguns calotes deixo aqui minhas dicas:


1) Nunca entregue o desenho ou faça sua apresentação na festa sem ter recebido o pagamento ou alguma garantia. As chances das pessoas não te pagarem depois são altíssimas! (e ainda inventar que não gostaram..rs)

2) Cheque não existe (finge que não existe, vai ser melhor para vocês..)! Não aceite, é dor de cabeça. Se estiver com um bom volume de trabalho até compensa pedir uma maquina de cartão de crédito e débito do que aceitar cheques. Pagamentos à vista de preferência sempre ou no cartão.

3) Se for para parcelar que seja uma ou duas parcelas antes de você entregar ou apresentar o trabalho. Dependendo do lugar até uma nota promissória (não se esqueçam de fazer a pessoa assinar) é válido.

4) Para os artistas visuais uma forma legal é fazer consorcio do seu trabalho. Conheço vários artistas que fazem isso e é uma forma de tornar seu trabalho acessível. Outra ideia é fazer um bingo com suas obras, chamar uns amigos músicos e poetas para participar, cobrando entrada e dividindo o lucro com eles, lógico.



Espero que tenham gostado e se tiverem alguma dúvida, deixem aqui nos comentários ou no meu facebook.
                                                                  Facebook da Josi

Lembro que aqui é uma fórmula que uso mais nada impede que vocês a modifiquem. Ah, e não se esqueçam, sejam pontuais nas entregas e na apresentação. Até a próxima :D




domingo, 5 de janeiro de 2014

É hora de pensar em material escolar! O que compensa e como economizar.



Olá artistas, arteiros e pais em pânico com a lista de material escolar!


Hoje eu vim tentar dar uma ajuda a vocês sobre o que comprar ou não, o que compensa e dar alguns argumentos para vocês conversarem com os filhos na hora de negociar (o mais difícil)! Ainda não entrei em nenhuma papelaria este ano, ainda estou arrumando os meus materiais para voltar, ver o que realmente preciso comprar (eu tenho muita coisa). Aí deixo minha primeira dica.

1ª dica - Conferir o que sobrou do outro ano!



Se a caixa de lápis de cor  e o corretivo estão na metade ainda, as canetas funcionando, o estojo se lavar fica ótimo PARA QUÊ COMPRAR OUTRO? As crianças e adolescentes são muito consumistas e acho que é um excelente momento para vocês pais conversarem e educarem os filhos. Nem tudo é descartável, e eles pensam exatamente assim, nunca terminam uma borracha, querem tudo sempre novo e acham que literalmente seu dinheiro, senhores pais, nasce em árvore.
 Lembro uma vez que chamei a atenção de um aluno sobre o desperdício de folhas do caderno e de como não cuidava do lápis de cor dele e a resposta do menino simplesmente foi a de que o dinheiro era da pensão do pai dele e ele gastava do jeito que achasse melhor... Depois os senhores pais reclamam que tem que entrar no vermelho para pagar as contas....

Tenho certeza que já aí vocês eliminaram muitos itens né...Agora para o restante a dica é...



2ª dica - Pesquise! Compre em grupos!

Não tem jeito, tudo na vida é assim, se quiser economizar, tem que bater perna ou navegar nos sites de pesquisa. Se for comprar pela internet compre logo, as vezes demoram para entregar.
A outra dica é juntar com as outras mães  e pais e comprar em atacados, compensa bastante também.





3ª dica - Cuidado com os itens extremamente baratos.

As vezes vou passear em lojas de R$1,99 e fico surpresa com itens como canetinhas e lápis de cor sendo vendidos lá. Eu já comprei e aviso; difícil algo que preste neste preço. Apontador que quebra na primeira semana, lápis de cor que tem mais cera do que pigmento, canetinha que seca depois do primeiro desenho. Então CUIDADO! Milagres não existem a R$1,99, kkkk. Agora folha sulfite, cadernos, réguas, agenda já é de tranquilo comprar nestes lugares.



4ª dica - Se for comprar, vá sem os filhos.

É, eu sei que é quase impossível, as crianças e adolescentes ficam super ansiosos! Mais eles não conhecem a qualidade do material e querem sempre o personagem na capa do caderno e no lápis de cor.
Fiz uma classificação das marcas de lápis de cor para vocês:


Multicolor e Acrilex: tive dificuldades para apontar até com estilete. 
BIC: não entrega cor.
Faber apagável: não entrega cor, para mim destes ai acima é o pior. Parece um giz de cera.

Staedtler e Faber: Ambos muito bons, o problema é o preço. Geralmente o da Staedtler é mais em conta.


A Maped e a marca Norma foram minhas grandes boas surpresas em 2013!. Surpreenderam-me pela qualidade, maciez e o preço. Fiz até resenha do lápis da Maped aqui.


Fiquei com certo receio de fazer esta categoria mais não aguentei! Estes lápis são lindos, caros, mas quando vamos usá-los para pintar...Chama Jesus para ajudar! 
Espero que a marca tenho melhorado este ano porque no ano passado foi uma decepção só, tanto em preço quanto em qualidade!
Obs.: Todos são da mesma marca!

Viram como nem sempre o com o personagem é o melhor...Isso vale para borracha de personagens, apontadores, etc.

5ª dica: Quem é o seu filho?

Sim, você precisa conhecer o seu filho ou filha para comprar material escolar. Por exemplo, uma menina descuidada vai perder logo a caixa de lápis de cor de 48 cores que você comprou. Se a criança ou adolescente é mais cuidadoso, compensa você investir em uma régua melhor,uma lapiseira para escrever, um compasso que parece que veio da NASA, rs. Se o seu filho é descuidado, simplesmente acho besteira você investir tanto no material. Caio aqui na 1ª dica, converse com seu filho que o dinheiro precisa ser valorizado, ensine-o a não desperdiçar, confira e cobre o zelo com o material dele. Quem sabe combinar um prêmio caso ele consiga preservar o material (no caso dos adolescentes) como um passeio, um filme no cinema?


6ª dica: Compre exatamente o que está na lista.

Muitas papelarias usam de má-fé neste período para empurrar materiais velhos no estoque para pais mais desatentos. Acontece que depois você irá ter que ir trocá-los, vai desperdiçar seu tempo e dinheiro. Bloco de desenho branco não é a mesma coisa que o creme, por exemplo!
Já que eu sou louca por lápis de cor,rsrsrs, por exemplo, lápis de cor é diferente de lápis de cor aquarelável (os aquareláveis geralmente são mais caros). Uma criança pequena também não vai conseguir trabalhar direito com ele. 

Espero que tenha ajudado vocês! Boas compras e bom restinho de férias para seus filhos!




quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

Aplicativos artísticos para o seu smartphone!

Olá artistas e viciados em aplicativos!

Feliz 2014 para todos!

O final de 2013 foi um marco histórico na minha vida porque finalmente entrei na onda do Smartphone, depois de 4 anos com um celular que nem wi-fi tinha! Como eu consegui sobreviver todo este tempo sem ele? rsrsrs.
Sinceramente, eu estou impressionada como existem aplicativos para tudo (meu celular é Android), inclusive para nós artistas de plantão. Muita coisa boa e também tem muita coisa inútil. Por isso fiz uma seleção de alguns que estou testando e estão ficando (porque já desinstalei um monte).



Tutoriais


Para quem está aprendendo a desenhar existem vários aplicativos que ensinam passo a passo como desenhar desde bichinhos, mãos (sim, seus problemas para desenhar mãos quase acabaram,rs). Para as crianças existem alguns de como desenhar bichinhos e formas simples.


Cover art

Gostei muito deste de Como desenhar atores (é gratuito, aehh!). Eles tem muitos modelos e se não quiser desenhar no papel pode ficar brincando de pintar o desenho.
Cover art

Para quem gosta de tatuagem também um aplicativo para isso. Eu achei interessante o Desenhe tattoo porque ele vai mostrando as linhas de estruturas com mais detalhes do que o aplicativo de desenhar artistas.
Como você pode desenhar em cima dos modelos dá para criar uma tatuagem própria mais facilmente.
Importante, é gratuito! Aehh!

Na área da arte do graffiti não achei nenhum programa que me impressionasse. Achei muitos aplicativos que nada mais eram do que uma junção de links de videos demonstrativos.
Aqui quero deixar minha indignação com os criadores de apps, sejam mais criativos gente! Vídeo no youtube eu procuro no youtube!

Cover art

O que achei um pouco mais útil foi o Aprenda a desenhar Graffiti que ensina três modos de letras, divididos como se fosse um jogo em easy, normal e hard. Já aviso, não é aqueeeeeeeeele tutorial mais ajuda,rs. Ah, é de graça! :D

Modelagem 3D e modelos virtuais

Eu gostei de dois programas nesta categoria. Confesso que estou apanhando um pouco deles, mas achei bem uteis e divertidos. O que instalei de modelagem 3D chama-se Phone 3D Sculpture.

Phone 3D Sculpture - screenshot

Você pode fazer suas modelagem virtuais, inflar, afundar como se fosse uma massinha de modelar. Sinceramente, achei bem difícil este, mas divertido.

Agora o Pose Tool 3D eu amei! Ele é um modelo virtual, você pode deixá-lo mais magro, mais forte, gordinho ou envelhecido, pode ser um homem ou mulher.

                                                         Pose Tool 3D - screenshot

 Também é fantástico porque ele não vem com poses definidas, somos nós que escolhemos a posição do boneco, inclusive dos dedos das mãos ( ohhh!).  Dá para escolher a luz também! Então para ilustradores é uma mão na roda. A maravilha só tem um problema, é pago, mas achei bem acessível (paguei sete dilmas). Quem só fica desenhando no wi-fi de casa pode acessar o site que fiz resenha aqui .

Para editar fotos, fazer caricaturas, deformações, desenhar e fazer montagens


Existem inúmeros programas para você editar suas fotos, desenhar e tudo isso que eu coloquei no título. Na verdade tudo isso  eu tenho no meu photoshop no notebook, mas no celular achei que não funcionou direito. Então para desenhar estou usando o SketchBook Mobile Express .

SketchBook Mobile Express - screenshot


 Ele tem muita coisa em comum com o photoshop como as ferramentas de desenho, dá para trabalhar em camadas, permite abrir fotos e fazer desenhos por cima. E só. Minha reclamação é na hora de salvar, dá um certo trabalho e que não achei uma caneta touch que me deixasse fazer traços finos vendo eles (só consegui desenhar melhor com o dedo no meu moto g). De resto tenho certeza que vou usar bastante. Ah, é de graça também!

Para fazer caricaturas ou para emagrecer ou aumentar peitos,bumbum e os músculos,rsrsrs, podem usar o Photo Warp (acharam que era o moment cam né,kkkkk). Achei muito legal porque suas caricaturas vão ficar únicas, sem aquela coisa de modelos do famosinho app. Fora que dá pra dar uma afinada na cintura antes de postar no instagram,rs. Se quiser que fiquem só os traços é só por um filtro de desenho depois ou abrir no Sketchbook Mobile e desenhar por cima.


Cover art

Falando em instagram, para fazer montagens com várias fotos estou usando o Photo Grid para fazer montagens e colagens de fotografias. Achei fofo os vários modelos que ele apresenta, porém não achei ideal. Acho que perceberam que não gosto de nada que não possa ser customizado, porque senão todo mundo fica igual, acho isso chato demais #souartista#soucriativa#desculpaaê# rsrsrs.
 Deem uma olhada e vejam o que acham.
Cover art

Photo Grid-Criador de Colagens - screenshot
 Achei chique,rs.

Ah, estava esquecendo, tanto o Photo grid quando o Photo Warp são gratuitos. Aehhhhhh!

Agora pessoal que eu tenho Instagram podem me seguir lá, vou postar novidades por lá também, espero que mais rápido do que aqui no blog. Segue lá josilenegsf. Estou louca para dar umas voltas em papelarias e ver novidades.